Ignorar é a forma mais elegante de se defender da maldade. (Fernanda Estellit)

sexta-feira, 20 de julho de 2018

Partidos abrem convenções com cenário indefinido para as eleições


Presidenciáveis ainda negociam alianças e não definem nome de vice nas chapas a quatro dias do início das convenções partidárias, num cenário de indefinição que persiste na grande maioria das pré-campanhas. Se não vejamos:
- O reflexo do desgaste dos principais partidos que polarização as eleições como o PT-PSDB; 
- Diminuição dos recursos para as campanhas com o fim do financiamento empresarial; 
- Falta de poder de aglutinação do governo federal;  

Agendas

- O PDT será a primeira legenda grande ou média a realizar convenção, nesta sexta-feira(20), quando vai anunciar a candidatura de Ciro Gomes; 
 
- O PSOL, fará convenção no sábado(21), é o único que definiu uma chapa pura para o Planalto: Guilherme Boulos e a indígena Sonia Guajajara; 

- O PCdoB vai decidir entre os dias 21 e 23 a estratégia. Estão na mesa três propostas: a manutenção da candidatura de Manuela d'Ávila, apoio ao nome do PT ou aliança com Ciro; 

- O PT insiste em Lula, o partido deverá protelar ao máximo o anúncio de eventual "plano B"; 

- A maior parte das siglas (PSDB, Rede, MDB, Podemos e Novo) deixou as convenções para 4 de agosto, véspera do prazo final; 

- O PSB fará a reunião na data-limite: 5 de agosto.


 Com informações, Célio Brito.

quinta-feira, 19 de julho de 2018

Ivan Frota foi eleito o Comunicador Cultural do ano pela ASEL


A Academia Sobralense de Estudos e Letras – ASEL, que tem Como presidente a Professora Chrislene Carvalho dos Santos pereira Cavalcante, outorgou o troféu e o Diploma de Mérito Cultural, ao radialista, Ivan Frota, em reconhecimento ao trabalho sócio cultural realizado pelo comunicador em prol da população sobralense.
O comunicador apresenta o “Show do Ivan Frota” todos os sábados no Becco do Cotovelo há 15 anos.
O evento ocorreu no dia 11 de julho de 2018, no Teatro São João, às 20h, fazendo parte oficial da programação de comemoração dos 245 anos da cidade de Sobral.
Na ocasião, também foi homenageado o nosso bispo de Sobral, Dom José Luiz Gomes de Vasconcelos, o diretor do Jornal Correio da Semana- Padre Lucas e o radialista Araújo Pachelle.
Atualmente, o radialista apresenta diariamente, o Show do Ivan Frota na FM Paraíso, no horário das 14h às 16h e aos domingos, comanda o Clube do Rei na mesma emissora.
O comunicador, também é conhecido como “O Amigo de Fé”, apresenta ainda o Show do Ivan Frota, no Becco do Cotovelo – Corredor Nacional da Democracia, todos os sábados e transmitido pela rádio Tupinambá de Sobral e ao vivo pela TV Web Alternativa e Sobral 24 Horas. O programa do Becco vai ao ar todos os sábados das 9h às 11h, líder em audiência.
Parabéns Sobral, pelos seus 245 anos de existência!
Parabéns, nosso Bispo de Sobral, Dom José Vasconcelos!
Parabéns, nosso querido Jornal Correio da Semana!
Parabéns, Araújo Pachelle, pela luta diária!
Parabéns, Ivan Frota, eleito o comunicador Cultural do ano de 2018!

O PT só definirá alianças proporcionais no final de julho

O PT Ceará reuniu na ultima segunda-feira (16), os pré-candidatos a deputado estadual e federal para discutir sua política de alianças paras chapas proporcionais à Assembleia Legislativa e à Câmara Federal.
Com 34 candidatos a deputado estadual e 12 a deputado federal, a tendência do partido é sair com chapa própria para as duas casas legislativas.
Contudo, a posição final só será definida no Encontro de Tática Eleitoral, marcado para o dia 28 de julho. Após discussão com o governador petista Camilo Santana que está fechando aliança com cerca de 24 partidos, para sua reeleição.

Moses Rodrigues presta contas do seu mandato


Na tarde desta quarta-feira (18) o deputado federal Moses Rodrigues (MDB) esteve na rádio Tupinambá, em Sobral, onde pôde fazer uma prestação de contas do seu mandato e comentar sobre os últimos acontecimentos da política. Durante a entrevista o parlamentar agradeceu o apoio recebido na última eleição municipal, deixou claro que não possui inimigos, mas apenas adversários, elogiou o trabalho do Governador Camilo Santana (PT) e falou sobre as eleições 2018 e o convite para ser o coordenador de campanha do ex-presidente Lula, na região norte do Estado.



Sobre o trabalho desenvolvido pelo seu mandato, Moses Rodrigues destacou que conseguiu recursos para mais de 60 municípios do Ceará e até o final da atual legislatura trabalhará para ampliar a captação das verbas. ”Conseguimos mais de R$200 milhões de reais para os municípios cearenses, mas vocês podem ter certeza que eu pedi mais de um bilhão. Escolhi concorrer a deputado para poder fazer este tipo de ação. Lutar por recursos e trabalhar para geração de emprego e renda dos cearenses. Portanto, acredito que estou honrando com os meus compromissos assumidos’’, colocou.     



Sobre a grande quantidade de recursos enviados para Sobral, o parlamentar destacou que trabalha em função de melhorias para a população e com isso, consegue superar as questões políticas. ”Eu não sou inimigo de ninguém, eu posso ser adversário, mas não sou inimigo de ninguém. Só para a Santa Casa de Misericórdia de Sobral foram enviados mais de R$ 2 milhões de reais. Eu tenho um bom relacionamento com os 22 deputados cearenses, inclusive, com os deputados do PT. Sabemos que o Governador Camilo Santana foi adversário para um projeto municipal e a gente sabe que tem que ser superada esta eleição municipal. Quando fez campanha contra o nosso projeto, ele estava no papel dele. Portanto, na questão estadual e federal, eu reconheço que o Camilo tem buscado fazer uma boa gestão para o Estado”, destacou. 



Perguntado sobre o convite para coordenar, na região norte do Ceará, a campanha do candidato do PT à presidência da república, o deputado Moses Rodrigues afirmou que o convite foi uma surpresa e que a eleição para a presidência o preocupa. ”Houve um convite e me surpreendi. De certa forma, eu não esperava. Entretanto, quando me convidaram para estar à frente da coordenação de campanha aqui na região,  eu respondi que queria conhecer o programa do PT. Seja para a campanha do ex-presidente Lula ou de quem o venha substituir, eu só irei me decidir sobre a presidência após analisar os programas. Eu estou preocupado com esta eleição para presidente. Precisamos de uma pessoa que tenha a legitimidade da população e que tenha a capacidade de gestão para criação de empregos, do melhoramento da saúde e também da segurança”, revelou o parlamentar.

quarta-feira, 18 de julho de 2018

Ciro Gomes xinga e faz ameaça a promotor que aceitou denúncia contra ele


O pré-candidato a presidente pelo PDT, Ciro Gomes, atacou a decisão do Ministério Público Estadual de São Paulo (MP-SP) de solicitar abertura de inquérito policial contra ele sob a denúncia de injúria racial.
O processo partiu do vereador de São Paulo e líder do Movimento Brasil Livre (MBL), Fernando Holiday (DEM), a quem Ciro chamou de “capitãozinho do mato” em uma entrevista à rádio Jovem Pan no mês de abril.
“Um promotor aqui de São Paulo resolve me processar por injúria racial. E pronto, 1 filho da puta desse faz isso. Ele que cuide de gastar o restinho das atribuições dele, porque se eu for presidente essa mamata vai acabar”, disparou Ciro, nesta terça-feira (17), em São Paulo (SP) durante sabatina da Associação Brasileira de Máquinas e Equipamentos (Abimaq).
Apesar da rusga com o vereador demista, Ciro mantém as tratativas com o DEM para eventual aliança na corrida presidencial.

Com informações, Bocaonews






 

PT e PSDB pressionam contra apoio de PSB a Ciro e presidente diz que isenção seria "imperdoável"


O presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, disse ao repórter Nilson Klava, da Globo News, que neutralidade seria imperdoável nestas eleições. A declaração vem em virtude de pressão do PT e PSDB para que a sigla não dê apoio à candidatura de Ciro Gomes (PDT). 
Siqueira tem dialogado com Ciro Gomes visando a corrida eleitoral. As negociações, segundo o blog do jornalista Gerson Camarotti, da GloboNews, ganharam intensidade nas últimas semanas. PSB e PDT, entretanto, ainda enfrentam dificuldades em Pernambuco.
O impasse é gerado porque o governador de Pernambuco, Paulo Câmara, pretende convencer o PT a não lançar Marília Arraes como candidato ao governo. Para que isso se concretize, Câmara precisa convencer o PSB a apoiar o PT na disputa presidencial. A hipótese, hoje, é praticamente nula no partido. 
Ciro Gomes visa a união com o PSB para, entre outras consequências, isolar o PT no setor progressista. Em resposta, o PT tem pressionado o partido a liberar as bancadas estaduais. 
Lado tucano
Interlocutores do PSDB e o próprio pré-candidato Geraldo Alckmin também conversam para que a aliança seja evitada. O atual governador de São Paulo, Marcio França, é do PSB e, por enquanto, mantém aliança com o tucano.


Redação O POVO Online

DÚVIDA?

DÚVIDA?