Felizes os que observam o direito e praticam a justiça em todo tempo! (SI106,3)

quinta-feira, 22 de junho de 2017

No dia em que a terra (não) parou em frente a Câmara de Sobral

Um dos vereadores de Sobral, está vendo que o inferno pode estar bem perto do que se possa imaginar, depois que um grupo de cobradores passou a marcar ponto em frente ao prédio onde acontece às sessões. O parlamentar tentou chegar a uma das sessões desta semana, mas deu voltas ao prédio e preferiu ir embora. Segundo se comenta, nos grupos de situação e oposição esse vereador de primeiro mandato já virou de lado. Em breve todos tomarão conhecimentos, pois tem um ditado popular que diz; "onde há fumaça há fogo". Ao contrário do que cantava Raul Seixas: O vereador não saiu para a sessão pois sabia que os cobradores também estavam lá...

trecho da música de Raul Seixas:
Dia que a terra parou

O empregado não saiu pro seu trabalho
Pois sabia que o patrão também não tava lá
Dona de casa não saiu pra comprar pão
Pois sabia que o padeiro também não tava lá
E o guarda não saiu para prender
Pois sabia que o ladrão, também não tava lá
e o ladrão não saiu para roubar
Pois sabia que não ia ter onde gastar

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DÚVIDA?

DÚVIDA?