Felizes os que observam o direito e praticam a justiça em todo tempo! (SI106,3)

segunda-feira, 11 de julho de 2016

José Serra é citado em delações da Odebrecht e da OAS

O nome de José Serra - atual ministro das Relações Exteriores do governo interino de Michel Temer - aparece em acordos de delação premiada da Operação Lava Jato. Segundo o colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo, Serra aparece nas duas delações que estão sendo negociadas com as empreiteiras Odebrecht e OAS.
A coluna informa que as empreiteiras farão revelações sobre casos de propinas em obras públicas do período em que Serra era Governador de São Paulo, entre os anos de 2007 e 2010.
A OAS deve relatar a história que trata de uma uma propina negociada (e paga) diretamente entre Léo Pinheiro, sócio e ex-presidente da empreiteira, e uma pessoa muito próxima de Serra, que dizia falar em nome do então governador.
Já a delação da Odebrecht se refere à obra do Rodoanel - maior obra viária de São Paulo. Ainda segundo a publicação, a Odebrecht promete dar detalhes sobre a propina que teria sido paga a Paulo Vieira de Souza, o Paulo Preto, ex-diretor da empresa que administrava a construção de rodovias no estado paulistano.
Em resposta ao suposto conteúdo das delações, o ministro José Serra afirma: "Não cometi nenhuma irregularidade, tampouco autorizei terceiros a falar em meu nome".

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DÚVIDA?

DÚVIDA?