Felizes os que observam o direito e praticam a justiça em todo tempo! (SI106,3)

sexta-feira, 9 de junho de 2017

Sócio de Cid Gomes é alvo de investigação na Anac

Dono da outra metade das cotas da empresa Condomínio Terra Nova e Comunicações Ltda, empreendimento embargado pelo ICMBio, o empresário Disraeli Ponte, que dono da empresa Easy Taxi Aéreo, já vinha sendo investigado pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) que no ano de 2015 abriu investigação para averiguar possíveis irregularidades em contratos da empresa com o governo cearense, época em que sócio Cid Gomes era governador que negou todas as acusações. Segundo dados do Portal da Transparência, a empresa recebeu R$ 32,3 milhões do Estado entre 2007 e 2014, período da gestão Cid, pelo aluguel de aeronaves.

O embargo de uma obra por suporto crime ambiental é mais um problema enfrentando por Cid em 2017. Em maio, durante delação premiada, os irmãos Joesley e Wesley Batista, da JBS, afirmaram que o ex-governador recebeu R$ 20 milhões em propina em troca da liberação de recursos referentes a créditos de ICMS a que a empresa teria direito, no valor de R$ 110 milhões. Cid diz que não recebeu “um centavo” e que processará a dupla.

A Justiça Federal ainda acatou denúncia do MPF contra Cid, o transformando em réu por suposto crime contra o Sistema Financeiro Nacional. Ele também nega.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DÚVIDA?

DÚVIDA?