Ignorar é a forma mais elegante de se defender da maldade. (Fernanda Estellit)

segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

Capitão Wagner joga a toalha: "Não tenho condições de disputar o Governo Estadual ou Senado", diz o militar



Um dos principais nomes da oposição para fazer frente à reeleição do governador Camilo Santana, o deputado estadual Capitão Wagner jogou a toalha. Em recado à seus seguidores na tropa e aliados políticos, o militar mandou seu recado no sábado (13), em Limoeiro do Norte: "não tenho condições financeiras de disputar o Governo do Estado ou ao Senado nas eleições de 2018. Sua sua prioridade será disputar uma vaga na Câmara Federal.
Com bom capital de votos após perder, em 2016, no segundo turno, a eleição a Prefeito de Fortaleza, Wagner fez apelos aos militares com vocação para a política que, se algum deles se dispuser a disputar a eleição para governador ou senador, terá o seu apoio!
Ele afirmou que a decisão de se candidatar a deputado federal tem uma série de motivos. Entre eles, o alto custo da eleição para os cargos majoritários, “na eleição para prefeito não houve dinheiro nem para pagar o material de campanha, televisão e etc., estamos devendo até hoje. E ir para uma eleição sem ter a garantia de um recurso mínimo, seria na verdade uma irresponsabilidade muito grande”, pontuou
Ele observa que se fosse tão fácil como algumas pessoas estão pintando, não faltariam candidatos ao Governo e Senado. Wagner disse que quem quiser se candidatar terá seu apoio. “Agente precisa galgar mais um degrau. Fomos vereador de Fortaleza, deputado estadual e se tiver apoio de vocês vamos galgar a cada passo para que um dia a gente possa, ai por vontade da categoria, governar o Estado do Ceará. Acho que esse não é o momento ainda, não temos condição, mas quando Deus nos abençoar e for o momento adequado agente concorrerá”, concluiu. 

Com informações, Flavio Pinto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DÚVIDA?

DÚVIDA?