Felizes os que observam o direito e praticam a justiça em todo tempo! (SI106,3)

quinta-feira, 16 de março de 2017

Imprensa de Sobral fica de fora da campanha de mobilização contra o mosquito da dengue



A maioria dos profissionais da imprensa que sempre acompanhava os eventos do Paço Municipal não foi ao lançamento da campanha de mobilização “Todos contra o mosquito Aedes aigyptis...” promovido pelo secretário da Saúde do Município de Sobral, Gerardo Cristino Filho, na manhã desta quinta-feira, 16. Dos profissionais do rádio, circulavam entre os convidados, Tony Silva,  Chico Santana e Júnior Ripardo. De blogueiro Rubens Limas e Wilson Gomes (olheiro).


A não valorização dos repórteres locais pelo prefeito Ivo Gomes, que já anunciou que os eventos de sua administração serão divulgados através de facebook, tirou o direito dos “homens do rádio” de acompanhar o que Ivo Gomes está fazendo.

Na abertura da solenidade o locutor oficial Rui Silva, chamou o vereador Rogério Arruda para representar, mas a demorar em “ajeitar o chapéu”, como disse Rui, aconteceu uma troca – Alessandra Ponte foi chamada para compor a Mesa. Minutos depois dos convidados se acomodarem a Mesa das autoridades, Dr. Gerardo pediu que todos voltasse para as cadeiras do auditório para assistir sua apresentação. Ivo Gomes não foi ao lançamento.

Um comentário:

  1. Com o tema ‘Todos contra o mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, chikungunya e zika vírus’, a vice-prefeita de Sobral, Christianne Coelho, e o secretário da Saúde, Gerardo Cristino, estiveram reunidos, na manhã desta quinta-feira (16/03), no auditório da Prefeitura de Sobral, para o encontro de mobilização entre o poder público e a sociedade civil.

    Para nortear e elaborar o Plano Municipal de Estratégias de Gestão Integrada na Prevenção e Controle das Arboviroses, foram apresentas as situações epidemiológicas e entomológicas da dengue, chikungunya e zika vírus em Sobral, além de proposto a necessidade de reativar o funcionamento do Comitê de Combate e Prevenção à Dengue, criado pela Lei Municipal 368, de 26 de agosto de 2002, e alterá-la para a inclusão da chikungunya e do zika vírus.

    “Essa responsabilidade não é apenas da gestão, é de todos nós como cidadãos. Se cada um fizer sua parte, estaremos impedindo a proliferação do mosquito Aedes aegypti em nosso município. Devemos continuar com o trabalho intenso em todos os bairros e distritos de Sobral”, conclamou a vice-prefeita de Sobral, Christianne Coelho.

    Para a coordenadora de vigilância em saúde, Francisca Escócio, “a participação de todos os setores da administração municipal, entidades privadas e o engajamento da população são as principais armas no enfrentamento da proliferação do Aedes aegypti e, consequentemente, da transmissão das doenças virais que este é o principal vetor”.

    Combate ao mosquito

    A Secretaria da Saúde, através do Centro de Controle de Zoonoses, realiza, diariamente, ações de combate ao mosquito Aedes aegypti. Para reforçar os trabalhos, a Secretaria da Saúde realizou no dia 16 de fevereiro, um grande encontro com o infectologista, Ivo Castelo Branco, professor da Universidade Federal do Ceará e referência em doenças transmitidas pelo mosquito. Em sua palestra o infectologista orientou os profissionais de saúde sobre o diagnóstico e tratamento precoce das doenças, garantindo uma melhor assistência à população sobralense.

    ResponderExcluir

DÚVIDA?

DÚVIDA?